A Rede BNB Chain da Binance voltou a funcionar após ficar paralisada devido ao que vem sendo chamado de hack do ano. Agora os validadores da rede estão voltando a operar normalmente enquanto a infraestrutura é atualizada.

Na noite de quinta-feira (6) a Binance anunciou a paralisação de depósitos e saques em sua rede BNB, depois que um hacker conseguiu transferir cerca de 2 milhões de BNB – aproximadamente US$ 590 milhões – para um endereço da lista negra da Tether.

Após suspeitas de hack, a Binance mandou validadores de rede BNB paralisarem seus nós e desabilitarem a comunicação nativa da rede. A medida tinha como objetivo impedir que o hacker causasse mais danos.

A rede da Binance foi interrompida na quinta-feira (6) por volta de 19:00 horas, ficando assim até às 3:40h desta sexta-feira (7). A decisão da Binance de pausar a rede ocorreu cerca de 10 minutos após surgirem os primeiros rumores de hack.

Depois de 15 horas com a rede paralisada, com os usuários não podendo fazer qualquer tipo de transação, como depósitos e saques, a Binance retomou as operações. Isso ocorreu depois que os validadores de rede conseguiram atualizar seu software, o que permitiu a correção da vulnerabilidade explorada pelo hacker.

2 milhões de tokens BNB

Apesar de o hacker ter conseguido explorar US$ 590 milhões (2 milhões de tokens BNB), o valor roubado foi inicialmente estimado em cerca de US$ 100 milhões. Com a Binance conseguindo bloquear parte dos fundos ao paralisar a rede, graças a parceiros de segurança internos e externos.

O CEO da Binance disse que estava dormindo no momento do ataque e elogiou os esforços da equipe e da comunidade que levaram à rápida interrupção da rede.

Ele também disse que os programadores precisam de tempo para entender completamente as causas do problema e estimar o tamanho das perdas, então ele aconselhou contra a pressa.

De acordo com a empresa de segurança PeckShield, o roubo de 586 milhões da rede da Binance é o 3º maior da história.

“Descentralizado”

Se por um lado a medida da Binance de pausar a rede ajudou a impedir que o hacker transferisse todos os US $ 590 milhões roubados, por outro despertou preocupações em torno da “centralização” da rede da Binance que se diz descentralizada.

Sobre as críticas, a Binance disse que organizará votações de governança para determinar se deve congelar fundos hackeados ou se deve oferecer uma recompensa por capturar hackers.

A Binance disse que fará uma votação de governança para decidir uma série de questões, incluindo congelar os fundos roubados, cobrir os fundos roubados, lançar um programa de detecção de bugs e recompensa para o descobridor de hackers dos fundos recuperados.

A votação começará dentro de alguns dias enquanto a Rede BNB está sendo atualizada. Além disso, um novo mecanismo para tomada de decisões de governança on-chain será introduzido no futuro para eliminar o risco de tais ataques no futuro.

Fonte: Livecoins

Siga-nos no Instagram: @yellowcrypto.br