A Tether comunicou, nesta quinta-feira (18), que passará a trabalhar em conjunto com a BDO Itália, para fornecer mais transparência e credibilidade sobre suas reservas que garantem sustentabilidade e estabilidade para a stablecoin TetherUSD (USDT), líder do segmento em capitalização de mercado e líder geral em volume de negociação em todas as exchanges de criptomoedas.

“Estamos comprometidos em atender o mercado de criptomoedas em rápido crescimento como o ativo estável mais forte na economia Web3”.

– Paolo Ardoino, CTO da Tether.

A parceria com a BDO é muito importante, ao se tratar de uma empresa posicionada entre as cinco melhores companhias do mundo em contabilidade pública, com ótimas referências e de bastante credibilidade em diversos mercados e regiões.

A Organização Global da BDO conta com 1.728 escritórios em 167 países e territórios, com mais de 97.000 colaboradores no total. A BDO Itália é um destes escritórios e será ele trabalhando ao lado da Tether, com o objetivo de proteger os investidores e usuários do USDT.

“A utilidade do Tether cresceu além de ser apenas uma ferramenta para entrar e sair rapidamente de posições de negociação e, portanto, é essencial para nós escalarmos junto com os mercados ponto a ponto e de pagamentos”, continuou Paolo Ardoino.

“O compromisso da Tether com a transparência não é algo novo. Ele se alinha com a responsabilidade de sua liderança como líder de mercado para educar o mundo sobre a tecnologia de stablecoin.”

Há um bom tempo a Tether vem passando por diversas polêmicas e acusações ao ter dado sinais relevantes de não conseguir garantir total liquidez e “resgatabilidade” sobre todos os tokens USDTs emitidos.

Existe uma falta de confiança notável no mercado, apesar do ativo ser um dos mais utilizados para parear com outras criptomoedas, garantindo liquidez de troca nas exchanges e plataformas descentralizadas.

Conseguir fornecer atestados de uma empresa de renome não é conclusivo sobre a sustentabilidade e liquidez da Tether, mas com certeza será um ótimo passo para garantir maior honestidade da empresa dona do USDT e trazer mais credibilidade para os holders e usuários da stablecoin líder. O que tem se tornado cada vez mais importante, após o fracasso massivo da Terra (LUNA) e da stablecoin UST.

Fonte: CoinTimes