Futures Perpetual Funding Rate, que mostra o comportamento de traders que apostam na alta (long) e na baixa (short), chegou a -0,0011%, menor nível em um mês. Mal comparando, seu pico positivo no período foi de 0,008%, mostrando que o medo foi maior que a ganância.

Fonte: Glassnode

Futures Perpetual Funding Rate – Taxa de Financiamento de Contratos Futuros Perpétuos

O que é?

O termo se refere aos pagamentos periódicos de operadores em ‘long’ (quando se aposta na alta) ou de ‘short’ (para apostar na queda) com base na diferença entre o mercado de contrato futuros perpétuos e o preço à vista (preço de referência). Em suma, a taxa de financiamento é a responsável por fazer o preço do contrato futuro se aproximar ao preço do ativo à vista.

Como influencia o mercado?

Positiva, significa que os traders estão otimistas, fazendo quem está em ‘long’ pagar uma taxa para quem está em ‘short’. Negativa, a lógica é invertida, com quem está em ‘short’ pagando taxas para quem está em ‘long’. Resumidamente: taxa negativa = mercado majoritariamente baixista; taxa positiva = mercado majoritariamente otimista.

O que está acontecendo?

Com o temor tomando conta do mercado, traders altistas perderam força, dando espaço para vendidos pagarem taxas e entrarem em cena no momento atual.

Sem a confirmação de rompimentos de suporte (acima de US$ 38 mil) até aqui, é possível afirmar que, conforme comentado em outras análises, os touros estejam passando por um teste de convicção. Com isso, é possível que ela volte a ficar positiva com a criptomoeda buscando os US$ 40 mil outra vez.

Vinícius Cavalcanti • Analista Yellow Crypto