O núcleo Índice de Preços ao Produtor (PPI) anual, que mede a variação no preço de venda de bens e serviços vendidos pelos produtores, excluindo alimentos e energia, marcou uma queda de 8,3%, enquanto as previsões eram de 8,6%, contra 8,6% no mês passado.

O que é o PPI?

O ‘Producer Price Index’ ou em português, Índice de Preços ao Produtor, consiste em um índice que mede a variação mensal ou anual dos preços médios recebidos pelos produtores de bens e serviços dos Estados Unidos.

Como impacta o mercado?

A principal utilidade deste índice é fornecer de forma antecipada o ritmo de avanço dos preços, uma vez que, a inflação ao produtor é sempre repassada ao consumidor final. Dado o contexto atual (alta de juros nos EUA), uma inflação mais alta, significa um aperto monetário mais rígido por parte do Fed, o que impacta negativamente os mercados de risco. Analogamente, um arrefecimento da inflação (de maneira significativa), pode criar esperanças entres os agentes do mercado, que o Fed não realize movimentos tão agressivos.

O que está acontecendo?

Divulgado na terça-feira (14), o PPI norte-americano relativo ao mês de maio, subiu 0,8% no índice cheio, em linha com as expectativas do mercado. Na leitura de abril, o índice havia registrado um aumento de 0,4% (revisado de 0,5%).

Já o núcleo do PPI, índice que exclui os preços voláteis, veio abaixo do esperado, subindo cerca de 0,5%, enquanto era esperado pelo mercado uma expansão de 0,6%.

Depois da divulgação dos dados, o Bitcoin positivamente (nos primeiros minutos), formando um possível padrão de reversão (Ombro Cabeça Ombro Invertido), com alvo em cerca de US$ 25.000.
Fonte: TradingView

Kleiton Luna • Analista Yellow Crypto