O principal índice do mercado acionário dos Estados Unidos, o S&P 500, subia mais de 1%, chegando a tocar os 4200 pontos depois da divulgação dos dados da Universidade de Michigan (U.M).

Os dados da pesquisa da U.M mostraram que a confiança do consumidor piorou em maio, principalmente em virtude do impasse do teto da dívida americana, crise esta que ainda não encontrou solução política. Porém, a piora dos números foram abaixo do projetado pelo mercado, isso trouxe otimismo para os investidores.

Além disso, um outro componente da pesquisa da U.M, as expectativas de inflação para os próximos 12 meses, mostraram uma desaceleração considerável em maio. No mês corrente, os agentes esperam uma inflação de 4,2% para o próximo ano, na leitura prévia da pesquisa, a estimação girava em torno dos 4,5%, enquanto que em abril os agentes esperavam uma inflação de 4,6%.

As expectativas desempenham um importante papel na tomada de decisão de política monetária do Fed, pois, “o aumento de preços de amanhã é sempre adiantado para hoje”, dado o componente psicológico da inflação.

➤ Clique aqui e receba em seu celular notícias e análises! É GRATUITO – Portal Yellow no Telegram

Siga-nos no Instagram: @‌yellowcrypto.br