Token da Ripple acompanha o mercado, fazendo pullback revistando suportes enquanto realização de lucros é observada.

O que é um triângulo ascendente?

O triângulo ascendente é um padrão muito conhecido na Análise Técnica pela sua fácil identificação no gráfico de preços de um ativo. Trata-se da formação de topos no mesmo patamar do que os topos anteriores e fundos cada vez maiores do que os anteriores. Dessa forma, basta traçar uma linha horizontal entre os topos e uma linha de tendência de alta nos fundos para que, com a convergência entre essas duas retas, forme um triângulo retângulo no gráfico.

Qual o significado de um triângulo ascendente?

Trata-se de um padrão de alta, pois sinaliza que a força compradora é maior do que a força vendedora nas negociações do ativo. Afinal, toda vez que os negociantes percebem que o preço deste ativo está se aproximando do último fundo, a força vendedora é reduzida e a compradora é aumentada, formando um fundo maior do que o anterior.

No entanto, o mesmo não acontece com os topos, com os negociantes ainda dispostos a comprar próximo do último topo, mesmo que essa região tenha sido considerada “cara” anteriormente. Assim, com muitos compradores e poucos vendedores no mercado, há grandes chances de o preço ultrapassar o último topo, em um rompimento desta resistência psicológica vendedora, e seguir em valorização. Por fim, o triângulo ascendente é considerado um padrão de “continuidade de tendência”, com o seu alvo sendo traçado ao pegar o tamanho da base deste triângulo e expandir após o rompimento do padrão para a direção rompida.

O que está acontecendo?

Depois de um pico acima de US$ 0,40, nível não visto desde junho no token, ele apresentou uma correção, ligada a uma possível nova acumulação dentro do triângulo, com fundamentos sugerindo um rompimento mais robusto após este processo.

Com fundos ascendentes mas ainda esbarrando em resistências, os primeiros apresentam oportunidade de entrada (regiões próximas de US$ 0,36), com alvos de lucro acima de US$ 0,40.